Não faz muito tempo, a diversão estava garantida com as versões eletrônicas de esportes diversos – principalmente, do futebol.

A realidade do mundo dos eSports mudou. As disputas individuais e por equipes não estão mais restritas às bolas, raquetes e carros de corrida.

A violência também foi convertida em entretenimento e ganhou até uma categoria em particular: a Battle Royale.

Se você ainda não a conhece, confira conosco. Ainda nest post, listamos alguns dos jogos mais populares.

Segura no gatilho aí: Player Unknown’s Battlegrounds, Fortnite, Garena Free Fire e Call Of Dust: Warzone.

Sim, a lista é maior. A propósito: qual será o próximo?

O que é o Battle Royale?

Imagine-se chegando em uma ilha onde você precisa matar para sobreviver. Sua meta é destruir todos os inimigos.

O confronto pode ser solo ou em equipe. O mesmo espaço chega a ser ocupado por 100 jogadores em tempo real.

O jogo termina quando você morre. Os diversos recursos do jogo dificultam a sobrevivência dos demais pelo menos tempo possível.

Qual a referência comum aos jogos do gênero?

Estes jogos são inspirados em um livro, cujo titulo ‘Battle Royale’ (batalha real, em português), ‘batizou’ a categoria.

Trata-se de um romance escrito pelo japonês Koushun Takami, publicado pela primeira vez em 1999 pela editora Ohta Publishing.

Anúncios


Se você ficou curioso para ler, saiba que há uma versão em português no mercado, publicada em 2014 pela Globo Livros.

Com tradução de Jefferson José Teixeira, a obra vai não é tão curta como o jogo para muitos players: tem 664 páginas!

Em ‘Battle Royale’ (ainda o livro), o Japão se torna a República da Grande Ásia Oriental – no caso, uma anarquia policial.

Ao longo da história, 42 alunos do 9º ano são escolhidos aleatoriamente para lutarem entre si até que apenas um sobreviva.

Um spoilerzinho: os jovens combatentes usam coleiras para que sejam localizados e forçados a lutar antes que explodam!

Bem, daqui para frente, deixamos a curiosidade por sua conta: confira mais detalhes na internet ou adquira seu livro.

OS JOGOS

Selecionamos abaixo os principais games inspirados e que hoje estão categorizados como battle royales. Confira:

PLAYER UNKNOWN’S BATTLEGROUNDS (PUBG)

Foto: Divulgação

O jogo foi lançado no ano seguinte ao livro japonês que o inspirou, desenvolvido pela PUBG Corporation.

O PUBG, como é mais conhecido, pode ser jogado nas plataformas de Android, iOS, Microsoft Windows, Play Station 4 e Xbox One.

Premiado várias vezes – inclusive como ‘jogo do ano’, em 2017 – o PUBG chegou a registrar três milhões de jogadores simultâneos em 2018.

FORTNITE

Foto: Divulgação

Lançado pela Epic Games em 2017, o Fortnite segue o esquema padrão com versões solo e de equipes para caçar zumbis.

O Fortnite pode ser jogado por Android, iOS, macOS, Microsoft Windows, Nintendo Switch, Play Station 4 e 5, Xbox Series X/S e One.

O game é o sucesso do momento entre os Battle Royales com pelo menos 250 milhões de jogadores ativos no mundo.

GARENA FREE FIRE

Foto: Divulgação

Esse até quem não é do meio conhece ou ‘ouviu dizer’. Desenvolvido pela Garena, está no mercado desde 2017.

Para jogar o Free Fire basta baixa-lo no smartphone, criar uma conta pessoal e fazer o login – inclusive por uma rede social.

Aqui, você cai literalmente de paraquedas antes de sair atirando para todo lado. São pelo menos 50 milhões de players todos os dias.

CALL OF DUST: WARZONE

Foto: Divulgação

Um dos últimos grandes lançamentos de Battle Royales, o Call Of Dust: Warzone ‘chegou chegando’ em março de 2020.

Neste game, também disputado de forma online, as disputas acontecem no que restou de Donetsk, na Ucrânia.

Editado pela Activision e desenvolvido pela Infinity Ward, o ‘Call of Dust: Warzone’ está nas plataformas de PC, PS4 e Xbox One.

Atualmente, o game conta com cerca de 50 milhões de jogadores registrados.