A integralização de capital social é o primeiro passo para a formação da empresa.

É também o primeiro investimento feito na empresa que está nascendo. É feito através do proprietário ou dos sócios.

Este capital social serve para cobrir gastos relativos as primeiras operações do gestor para fazer o negócio realmente funcionar.

Mas como saber se o capital social é suficiente para dar andamento no negócio?

E quando é que a empresa precisa ir atrás de investimentos, seja de empréstimos ou seja de um investidor?

Para responder estas perguntas, preparamos este post para você.

Se você vislumbrou oportunidade de crescimento e precisa de investimento, vamos trazer questionamentos que você precisa fazer antes de tomar qualquer decisão.

Veja o que é importante antes de pensar em novos investimentos

Uma empresa que tem um plano de negócio bem definido e prospecta seus objetivos e metas saberá o rumo a seguir.

Antes de abrir uma empresa ou quando for abri-la, você precisa saber que, mais importante do que a velocidade é a direção a seguir.

Você precisa estar no caminho certo, ter um bom produto, um bom serviço para satisfazer os clientes, isso vem em primeiro lugar.

Mas nem tudo são flores e se os planos traçados para empresa não derem conta de cobrir os gastos é preciso se fazer uma pergunta.

Anúncios


Se não há dinheiro suficiente para seguir em frente ou para novos investimentos, o que fazer?

O empreendedor ou gestor tem que ter bem claro o seu plano de negócios.

Se perceber que o fluxo de caixa ou o faturamento em um curto prazo não atenderá as demandas estipuladas no plano de negócios, talvez seja o momento de captar recursos.

Saiba a hora certa de buscar capital de terceiros para sua empresa

Mas como saber a hora certa de buscar capital de terceiros para investir?

Se surgir esta pergunta, antes faça um questionamento a você mesmo, olhando as finanças da empresa.

Esta é a pergunta: o dinheiro que minha empresa tem é suficiente para cumprir as metas e objetivos da empresa, como no caso de uma expansão ou ampliação de serviços?

Em outras palavras, se o quociente entre o valor do capital social e os gastos para implementação de qualquer novo produto ou serviço for menor do que 1 é porque realmente talvez seja o momento certo para buscar investidores externos.

Por outro lado, se o que você tem em caixa ou caso a empresa estiver iniciando, se o valor do capital social suplantar os custos e restar sados financeiros para o fluxo de caixa das operações propostas, é melhor aguardar.

Veja como entender se é um investidor que sua empresa precisa ou não

Se você resolver buscar capital fora para investir em sua empresa, você precisa analisar de onde buscará este investimento.

Se é melhor buscar um financiamento e pagar juros, ou se é melhor trazer um investidor, que passará a ser sócio da sua empresa.

É melhor pagar juros bancários ou abrir mão de uma parte da empresa?

A decisão de operar com capital próprio ou de terceiros depende muito das concepções de cada gestor.

Esta pergunta você precisa ter a resposta na sua mente antes de buscar capital terceirizado.

Mas como saber realmente se é de um investidor que o negócio precisa?

Por um longo tempo, se falava nas aulas de finanças que o capital de terceiros era mais barato que o capital próprio.

A maioria das empresas que buscava expansão sempre recorria a financiamentos para chegar a novos clientes ou novos mercados.

Mas é preciso saber que o tipo de sociedade tem interferência direta na captação de recursos ou não.

Uma startup, por exemplo, normalmente nasce com pouco capital e conforme vai ganhando mercado, sempre recebe investimentos-anjos para continuar a crescer.

Já para uma sociedade empresarial que esteja passando por dificuldades uma das melhores soluções talvez seja a injeção de capital integralizado por um novo sócio.

Entenda quais são os prós e contras de buscar investimento para sua empresa

E, se tivesse que colocar numa balança para medir os prós e os contras de buscar um investimento esterno.

Se esta pergunta fosse feita agora para você, você saberia dizer quais seriam?

Vamos te ajudar nesta questão.

Um ponto positivo, conforme já citamos aqui, é justamente a integralização de capital por novo sócio ou investidor.

Ele dará um novo gás para a empresa fazer o dever de casa ou expandir.

Ainda mais se este tiver experiencia e conhecimento de mercado e especificamente conheça o ramo de negócios.

Um exemplo são os fundos de investimentos, que geralmente aportam dinheiro no negócio e possuem profissionais com expertise de mercado para atuar na empresa.

Ou seja, não é só dinheiro que entra na empresa, entra também capital humano.

Poder contar com investidores deste nível geralmente agregará em todos os sentidos.

Mas, do outro lado da balança estão os contras.

E o primeiro item é justamente o fato de que você terá que abrir as portas do seu negócio para atuação de terceiros.

Neste caso, o dinheiro captado terá um custo alto se for mal gerido ou se deixar levar por investidores que desejam especular seu dinheiro.

Nem sempre, dinheiro no caixa é sinal de crescimento para a empresa.

Outra questão é que este investidor, como o nome já diz, pode estar apenas querendo retorno, em curto prazo, do dinheiro que investiu.

Para isso, medidas arriscadas e insensatas podem custar todo o seu plano de negócio traçado incialmente.

E isso pode comprometer de vez seu negócio.

Portanto, antes de buscar um investidor, não olhe apenas o capital que entrará no caixa da sua empresa, mas veja se ele está em linha com o seu negócio.

Veja o que fazer antes de buscar investimento externo

Se você vislumbrou possibilidade de crescimento na sua empresa, seja pela expansão, seja pelo fato de agregar um novo serviço ou produto, seja para crescer ocupando um espaço deixado por um concorrente que saiu do setor, procure ajuda.

Se você decidir que precisa investir, mas tem dúvidas de onde buscar este capital necessário, busque a ajude de profissionais especializados.

Perca tempo no planejamento, perca tempo no recrutamento, para depois não se arrepender da seleção que fez.

Não entregue seu negócio para especuladores e aventureiros.

Busque ajuda com profissionais ou empresas que tenham expertise em capital externo e em investimento terceirizado.

Depois que você sanar suas dúvidas, você pode definir de onde ou de quem buscará o capital necessário para fazer os investimentos que sua empresa precisa.

Decidi buscar investimento externo, o que posso fazer?

Se você fez o dever de casa, está seguro da decisão, buscou ajuda com profissionais e, realmente, a empresa precisa de capital externo para crescer, então chegou a hora de planejar.

Estabeleça todos os cenários possíveis para um futuro de curto, médio e longo prazo.

Considere as ameaças, oportunidades, forças e fraquezas de seu plano de negócios e estabeleça um pay-back para o retorno desse investimento.

Tenha sempre em mente um prazo para que o dinheiro investido retorne para a empresa no médio prazo, pelo menos.

Este investimento precisa se pagar e gerar dividendos.

Os próximos passos de sua empresa dependem de sua expertise neste momento.

E então, ficou claro para você qual a melhor hora para captar recursos para investir em seu negócio?