Quantas senhas você tem? E quantas vezes você precisa alterar a senha porque esqueceu ou “porque não está dando certo” para logar?
Entre e-mails, cadastros em sites, plataformas digitais e bancos, quantas senhas perseguem você?
Sem contar a senha para ligar o telefone celular, a senha do WhatsApp que, teoricamente, dá mais segurança ao app. E mais senha de Insta, Face e por aí vai…
Não podemos ter tantas senhas que não vamos lembrar, mas também é recomendado que a gente não use a mesma senha para não ser alvos de golpistas.
E, então, no meio de tudo isso, cada vez que precisa uma senha para um e-mail, site ou banco, vem aquele calafrio.
Já pensou se, assim como o teclado do seu celular ou do seu notebook, a gente tivesse um padrão para desbloquear os telefones?
E se a gente pudesse desbloquear os celulares com impressão digital ou reconhecimento facial, o que acha?
É isso que três gigantes dos EUA estão pretendendo fazer, em conjunto.
Isso mesmo, as concorrentes estão pretendendo fazer isso juntas, ou seja, criar um padrão em conjunto. Não é uma boa?
Então, bora ler este post até o final.

Saiba mais: Google, Apple e Microsoft querem acabar com as senhas

Então é isso, uma grande notícia para quem sente calafrio toda vez que o computador não puxa a senha salva ou automática.
Apple, Google e Microsoft informaram em maio que querem se livrar das senhas e substituí-las por uma maneira mais segura de acessar contas ou dispositivos.
Aí sim, agora gostei. Não vai ser uma boa?
Pois bem, conforme os gigantes da tecnologia nos Estados Unidos anunciaram, em conjunto, eles estão apoiando um padrão comum que permitirá que as pessoas façam login desbloqueando seus telefones celulares, por exemplo, com impressão digital ou reconhecimento facial.

Confira os motivos que levaram as Big Techs a se unirem em prol desta mudança

A mudança completa para um mundo sem senhas começará quando nos livrarmos das senhas ou da maioria delas.
Alex Simons, vice-presidente da Microsoft, disse que as empresas estão trabalhando juntos “como uma comunidade entre plataformas nos dá a capacidade de finalmente alcançar essa visão”.
Ele chamou de “fazer um progresso significativo” esta propensa eliminação de senhas. E que progresso, sábias palavras!
Conforme o comunicado das Big Techs, a adoção dos padrões criados pela Fido Alliance e pelo World Wide Web Consortium permitirá que sites e fabricantes de dispositivos adicionem opções seguras e sem senha a seus produtos, disseram os grupos em comunicado.
Desta forma, se você usar chaves seguras em vez de senhas também vai evitar golpes.
E é isso que importa, se nos livrarmos das senhas de maneira segura, a humanidade estará dando um importante passo.
Afinal, ninguém quer ficar anotando senha para não esquecer e também ninguém quer usar senhas fáceis para se tornar algo de golpes de phishing.
Este tipo de golpes induzem as pessoas a revelar suas credenciais de login e hackers que roubam esses dados.

Veja a importância deste anúncio para o mundo da tecnologia

A capacidade de login sem senha será incorporada ao software Android e Chrome no próximo ano.
Estas foram as palavras do diretor de produtos do Google e presidente da Fido Alliance, Sampath Srinivas.
“Hoje é um marco importante na jornada de segurança para incentivar as melhores práticas de segurança integradas e nos ajudar a ir além das senhas”, foi a frase de Jen Easterly, diretora da Agência de Segurança Cibernética e Infraestrutura dos EUA.
A Apple e a Microsoft anunciaram planos para fazer o mesmo com seus softwares.

Veja o que Apple e Microsoft pretendem fazer com seus softwares

Toda esta mudança vai trazer login em dispositivos, sites e aplicativos, independentemente da plataforma.
Desta forma, tudo isso será feito sem a necessidade de uma única senha.
Mas, como vai funcionar? Simples: Srinivas escreveu em um post, explicando isso: “Quando você faz login em um site ou aplicativo em seu telefone, ele apenas desbloqueia seu telefone.”
Desta forma, o seu celular vai armazenar uma credencial Fido como uma “chave de acesso” para desbloquear suas contas online. Simples assim.
Outra questão é que para acessar uma página da web em seu computador, você só precisa ter seu telefone por perto.
Em vez de digitar login e senha no seu PC, basta desbloquear o celular que vai estar por perto.
Para você ter ideia, a iniciativa é uma mudança tão importante, que é considerada mais segura do que autenticação de dois fatores.
Neste processo, você recebe o envio de senhas de uso único por mensagem de texto ou e-mail como confirmação secundária ao fazer login em sites ou serviços.
E isso terá um fim! Ainda bem, ainda mais agora que descobrimos que não é tão seguro assim!