O limite emergencial no cartão de crédito deve ser usado com muita responsabilidade.
Do contrário, você vai prejudicar as suas finanças.
Se você já precisou usar, sabe que esta alternativa não é das melhores.
Os juros se acumulam, viram bola de neve e muitos estão com CPF negativado por conta disso.
Por este motivo, para não cair na armadilha do limite emergencial, confira nosso post e tenha suas finanças sempre em dia.
Bora conferir o que é o limite emergencial no cartão de crédito?

Veja o que é o limite emergencial no cartão de crédito

O limite é que um serviço oferecido por alguns bancos para aprovar compras que não seriam aprovadas.
Ou seja, na hora de você fazer compras em valores superiores ao limite disponível no cartão de crédito, seu cartão iria recusar.
Então, a salvação da pátria é o limite emergencial.
E esta falta sensação de que ele é bonzinho e veio para ajudar é que afunda muita gente em dívidas.
Isso porque, esse limite extra que pode ser benéfico para você,  acaba fazendo suas dívidas virarem uma bola de neve.
Portanto, é importante que você tome cuidado pois em muitas situações ele acaba se tornando uma armadilha.

Veja como funciona o limite emergencial no cartão de crédito

Como já falamos, este limite emergencial é o limite acima do limite disponível.
Então, quando você tenta realizar uma compra acima do valor disponível, a operação é recusada na maquininha.
Mas aí aparece o limite emergencial no cartão de crédito com sua capa e sua espada e salva você daquela situação.
Você pode concluir a compra e sair da loja com a sua compra tranquilamente.
O problema não é este. O problema é que o limite emergencial pode ser o mocinho até agora.
O problema é você pensar que o limite disponível é que é o vilão.
Ao contrário, o limite disponível do cartão não é um número a toa, ele é um número que simboliza o valor ou até quanto você consegue pagar da fatura.
Então, fique de olho no limite emergencial de crédito.
Ele tem o objetivo “nobre” de tornar possível a realização de compras em situações que você passaria vergonha.
Mas, fique de olho para que isso não se torne rotina e sua dívida, causada pelo limite emergencial, não fique impagável.

Saiba como contratar o limite emergencial de crédito

A contratação deste limite e os critérios de avaliação mudam de instituição para instituição.
Mas, normalmente, tudo é feito pelo site, app ou canais de autoatendimento.
A contratação pode ser feita através do Internet Banking, aplicativos, telefone, agências do seu banco ou mesmo de maneira automática, dependendo de qual instituição você é cliente.
Uma vez solicitado, a instituição financeira faz uma avaliação da sua situação e pode conceder ou não a liberação de deste crédito extra, o limite emergencial.

Veja como evitar o uso do limite com planejamento

Você já deve estar cansado de saber que não deve ultrapassar o limite do cartão de crédito.
Então, a primeira recomendação de qualquer coisa que se diga a respeito é que você deve fazer planejamento financeiro.
Sendo assim, planeje suas compras para evitar o estouro do limite do cartão de crédito.
Sempre que você for adquirir um produto  por esse meio de pagamento, lembre-se de que parte do limite contratado está sendo consumido.

Veja a importância de comprar com consciência

Outra dica é comprar sempre com consciência. O consumo consciente é sempre algo a ser estimulado.
Se você ficar compras por impulso, em prestações a perder de vista e sem medir o impacto destes valores no orçamento, você pode se enrolar em dívidas.

Entenda porque usar no máximo 80% do limite

Para finalizar o post, anote uma regrinha simples de colocar em prática: evite usar mais do que 80% do limite do seu cartão de crédito.
Então, embora o limite emergencial possa ajudar muito, é preciso ter  cuidado  para não extrapolar o seu uso e acabar se enrolando na hora de pagar suas faturas.