O lançamento oficial do Pix ocorreu na última segunda-feira, dia 16 de novembro. Desde o dia 3 de novembro, o Pix estava em uma fase de teste, e estava disponível apenas para alguns usuários, selecionados pelas instituições financeiras que aderiram ao Pix.

De acordo com o Banco Central, a fase de testes não apresentou nenhuma anormalidade fora do esperado, e foi considerada um sucesso pelo Banco Central. Durante os testes, foram registrados cerca de 1,9 milhões de transações, que movimentaram cerca de R$ 780 milhões.

Mas será que os dois primeiros dias do lançamento refletiram o sucesso da fase de testes? Nesta matéria, o Alto Tietê Web irá apurar as principais ocorrências desses período, para montarmos um balanço geral dos primeiros dias do Pix.

Dessa forma, falaremos sobre os pontos positivos e negativos desse período, para concluirmos se os primeiros dias do Pix tiveram um saldo positivo ou negativo.

Mais de um milhão de transações concluídas

Só no primeiro dia de operações, foram feitas mais de 1 milhão de operações por meio do Pix, o que por si só já é um ponto positivo dos primeiros dias do Pix.

O número total de transações concluídas foi comemorado pelo Banco Central, que afirmou que esse número comprova a eficácia do novo sistema de pagamentos e transferências digitais.

Além disso, não houve registro de muitas instabilidades no segundo dia de funcionamento do Pix.

O Pix movimentou mais de R$ 1 bilhão nos dois primeiros dias

A quantidade de dinheiro movimentado no primeiro dia do Pix também foi um ponto positivo. Só no primeiro dia foram registrados um volume de R$ 777 milhões, e no segundo, foram registrados mais de R$ 1 bilhão.

Esses números mostram que o Pix está no caminho para cumprir um de seus propósitos: a diminuição da demanda por dinheiro físico, que já é observada em outros países.

O Pix apresentou uma série de instabilidades e atrasos

O lançamento do Pix também teve seus baixos. Apesar do alto número de transações concluídas com sucesso, o sistema apresentou algumas instabilidades, e parte das transações não foram concluídas. Dessa forma, muitos usuários apresentaram diversas queixas relacionadas às instabilidade e atrasos.

Na maioria dos casos, as transações não eram concluídas com sucesso. Em outros casos, as transações que deveriam ser concluídas em 10 segundos, demoraram mais de 2 horas para serem concluídas.

Anúncios

Entretanto, essas instabilidades só ocorreram nas primeiras horas do lançamento. Ao longo do dia, as operações ocorreram dentro do previsto, e não foram observadas tantas instabilidades.

De acordo com o Banco Central, que considerou as instabilidades como algo pontual, os sistemas do Pix estavam funcionando normalmente durante todo o dia, e os eventuais problemas sofridos por alguns dos usuários, estavam relacionados a problemas com as próprias instituições financeiras.

O sistema do Pix ainda possui algumas lacunas

O Pix foi criado com o intuito de inovar o sistema de pagamentos do Brasil e, de fato, o meio de pagamento possui potencial para tal. Entretanto, o Pix ainda possui algumas lacunas que limitam o seu potencial.

Com os pagamentos via QR Code, o Pix pode facilmente ser usado para pagamentos que podem ser feitos via cartão de débito no dia a dia, mas ainda não é capaz de substituir o parcelamento, só possível por meio de cartões de crédito.

Entretanto, o Banco Central possui planos de preencher essas lacunas em 2021, e já está estudando uma nova ferramenta para o sistema, chamado de Pix Garantido. A ferramenta permitirá que sejam feitas compras parceladas por meio do Pix.

Além disso, o Banco Central também planeja a implementação de um programa de cashback para o Pix. Com o cashback, é possível receber de volta uma parte do dinheiro gasto em uma compra.

O saldo dos primeiros dias do Pix

Apesar das instabilidades e atrasos no primeiro dia, o Alto Tietê Web conclui que o Pix fechou seus primeiros dias com um saldo positivo.

As instabilidades relatadas só foram observadas nas primeiras horas, e foram atribuídas a problemas com as instituições financeiras, e não com o sistema do Pix em si. No segundo dia, esses problemas não foram observados.

Além disso, o volume de dinheiro movimentado nos dois primeiros dias também levam a crer que o Pix conquistou a confiança de muitos brasileiros, e que veio para ficar.